A estrela de Fear the Walking Dead, Alycia Debnam-Carey, visita um santuário de animais e incentiva doações para ajudar a ferida vida selvagem australiana.

Alycia Debnam-Carey tem sido uma defensora vocal dos esforços para ajudar as pessoas e os animais na Austrália afetados pelos horríveis incêndios que queimam há meses. Ela visitou recentemente seus amigos no Mulligans Flat Sanctuary e conheceu um de seus adoráveis ​​residentes, e pediu aos fãs que ajudem a apoiar sua missão enquanto trabalham para salvar animais selvagens feridos.

Debnam-Carey aparece com um bettong oriental chamado Balbo, uma espécie ameaçada que praticamente desapareceu na Austrália até serem salvas à beira da extinção.

Foi através dos esforços das pessoas maravilhosas em Mulligans Flat que o bettong oriental, também conhecido como balbo pelo povo Ngunnawal (daí o nome), foi reintroduzido no continente australiano.

View this post on Instagram

You are probably aware of the heartbreaking devastation the recent fires in Australia have caused to our unique and beautiful wildlife. The staggering statistic of 1 BILLION native animals lost is hard to believe, however, I recently received a much-needed positive environmental story amidst this destruction and tragedy. I had the opportunity to meet up with my friend @ecology.millie from @mulligansflat sanctuary and spend some time with the endangered Eastern Bettong, also known as the Balbo by the Ngunnawal People. (Also, this cuties name is Balbo!) Mulligans Flat is a sanctuary that protects 1200ha of critically endangered woodland and has been fostering endangered species before the fire and will continue to do so after the fires. This little guy had been extinct from the Australian mainland for 120 years until they were reintroduced and protected at Mulligans. Now that climate change makes these ecological disasters more frequent and devastating, conservation and preservation are an essential and proactive path forward to save our wildlife and environment. If you can donate to the Mulligans Flat, I encourage you to do so. Link is in my bio. It all makes a difference. Thank you for taking the time read this. I am forever grateful for your generosity. love you all so much. ♥️

A post shared by Alycia Debnam-Carey (@alyciajasmin) on

Ela pede aos fãs que apoiem a missão da Mulligans Flat de proteger a vida selvagem e educar as pessoas sobre a importância da conservação à luz dos efeitos devastadores das mudanças climáticas: “Agora que as mudanças climáticas tornam esses desastres ecológicos mais frequentes e devastadores, a conservação e a preservação são essenciais e caminho proativo para salvar a vida selvagem e o meio ambiente.”

A estrela de Fear the Walking Dead tem sido ativa nas mídias sociais, compartilhando maneiras pelas quais as pessoas podem ajudar os australianos e a vida selvagem australiana em necessidade. Estima-se que mais de um bilhão de animais foram mortos nos incêndios, e agora a chuva tão necessária está causando inundações prejudiciais.

Debnam-Carey voltou a trabalhar na temporada 6 de Fear the Walking Dead. Depois de ser arrancada de seus amigos, Alicia Clark está sozinha e ela precisará contar com todas as lições que Madison ensinou a ela para sair da comunidade de Ginny viva.

Tradução e adaptação: Romina V. Rocha, ADCBR. 

Fonte

Alycia Debnam-Carey compareceu ao InStyle Awards 2019, em Los Angeles, Califórnia, no dia 21 de outubro.

A atriz foi fotografada ao lado de Laura Harrier, Kilo Kish, Amandla Stenberg e Kiki Layne.

Confira as fotos em HD do evento clicando nas miniaturas:

adc_instyle007.jpg
adc_instyle008.jpg
adc_instyle009.jpg
adc_instyle010.jpg
adc_instyle011.jpg

 

Alycia Debnam-Carey e o elenco de Fear the Waking Dead compareceram pela quinta vez na San Diego Comic Con este ano nos dias 18 e 19 de julho. O elenco realizou entrevistas, sessões de fotos e autógrafos, painéis e muito mais.

Veja todas as fotos da convenção em HD clicando nas miniaturas abaixo:

Dia 18 – TVLine Portraits

sdcc-tvl001.jpg
sdcc-tvl002.jpg
sdcc-tvl003.jpg
sdcc-tvl004.jpg
sdcc-tvl005.jpg

Dia 18 – Pizza Hut Lounge Portraits

sdcc-PHL007.jpg
sdcc-PHL008.jpg
sdcc-PHL009.jpeg
sdcc-PHL010.jpg
sdcc-PHL011.jpg

Dia 18 – IMDBoat Celebrities Portraits

sdcc-imdb001.jpg
sdcc-imdb002.jpg
sdcc-imdb003.jpg
sdcc-imdb004.jpg
sdcc-imdb005.jpg

Dia 19 – LA Times Portraits

sdcc-lat001.jpg
sdcc-lat002.jpg
sdcc-lat003.jpg
sdcc-lat004.jpg

Dia 19 – Painel de Fear the Walking Dead

sdcc-panel031.png
sdcc-panel032.png
sdcc-panel033.png
sdcc-panel034.png
sdcc-panel035.png

Atualizaremos esse post com entrevistas legendadas + painel do evento, em breve.

A “anti-ingênua”
Atriz australiana Alycia Debnam-Carey está silenciosamente deixando sua marca em Hollywood por todos os bons motivos

Abaixo da superfície

O “jovem ingênuo” de Hollywood parece ultrapassado, não? Essa “trope” existe há tanto tempo quanto a indústria cinematográfica e televisiva conta histórias, mas, à medida que atitudes e oportunidades mudam, atores como Alycia Debnam-Carey estão forjando carreiras menos vinculadas para ao estereótipo de elenco bidimensional. A jovem de 25 anos, por exemplo, pode ser mais conhecida por suas duas temporadas como Comandante Lexa no universo pós-apocalíptico de The 100. Ou mais recentemente como Alicia, uma mulher navegando pelo colapso da civilização, no favorito Fear the Walking Dead.
Debnam-Carey acabou de passar 15 horas no set deste último quando ela liga de Los Angeles – sua segunda casa desde que se mudou de Sydney sete anos atrás. E enquanto a atriz gosta do fato de que um dia filmando Fear the Wallking Dead pode ser preenchido com treinamento de luta, empunhando uma faca e matando zumbis, ela parece desconfiada de ser rotulada de “fodona”, pelo menos no sentido tradicional. “Eu sinto como se originalmente houvesse uma expectativa de retratar a ‘fodona’ com características essencialmente masculinas”, diz ela, explicando que quando uma mulher interpreta uma guerreira, não necessariamente equivale a uma presença intensa na tela. É preciso ter nuance. “O que eu acho tão agradável é realmente incorporar a complexidade da mente feminina que – para mim pessoalmente – inclui uma suavidade”.
Com uma lista de projetos mais sombrios, você pode pensar que Debnam-Carey encontrou seu nicho. Mas, quando questionada, ela responde pensativamente que ela ecoa os papéis prontamente disponíveis, ao invés de uma propensão particular dela. “Esses tipos de narrativas distópicas são predominantes na mídia agora mais do que nunca”, explica. “Acho que isso reflete a necessidade de investigar e entender nosso lugar no universo e nossa mortalidade como raça humana”. Considerando o cenário político atual, especialmente em torno do debate sobre mudanças climáticas, ela provavelmente está certa.
Com isso em mente, não é tão surpreendente ouvir que quando chega o momento a atriz fica ansiosa para diversificar. Um próximo papel no suspense policial “A Violent Separation” se afasta dos universos pós-apocalípticos, e Debnam-Carey se deslocaria ainda mais longe com prazer. “Eu sempre quis fazer um drama de época, como “Desejo e Reparação”, ela revela. “Estou animada para sair um pouco mais caprichosa.” Para uma amante da moda, o figurino desse gênero também é atraente após anos passados coberta de sangue e lama no trabalho. “Eu criei esse termo no nosso set [de Fear the Walking Dead] chamado “nail jail”, porque cada vez que aparecemos no set eles só preenchem nossas unhas com sujeira”, ela compartilha com uma risada. “Ser refinada por uma vez seria adorável.”

Por NATALIE MELL

Veja todas as fotos em HD do photoshoot na nossa GALERIA.

Tradução e adaptação: Marina Brancher, ADCBR 

Fonte

Alycia Debnam-Carey compareceu à convenção United Fandoms realizada pela Royal Events em Paris nos dias 13 e 14 de julho deste ano, um evento multi-fandom para a oportunidade de conhecer novas pessoas, novos convidados ou descobrir novas séries. O evento contou com Photo-ops, Meet & Greet, perguntas e respostas entre atores e fãs, sessões de autógrafos, noite com os atores, entre outras atividades. A atriz participou de painéis com convidados como Ricky Whittle (The 100, American Gods, Mistresses), Jessica Harmon (The 100, iZombie), Thomas McDonell (The 100) e Chelsey Reist (The 100).

Confira as fotos em HD da convenção clicando no link abaixo:

Galeria de Fotos: United Fandoms

 

 

Veterana na série Fear the Walking Dead, Alycia Debnam-Carey conta que Alicia vai se tornar uma pessoa e líder melhor na quinta temporada, e também irá estreitar sua ligação com Morgan (Lennie James), seu mentor.
“Tem sido um verdadeiro prazer estar há tanto tempo com um personagem, e vê-la crescer, de uma estudante, e tornando uma guerreira destemida, e mesmo toda tragédia que aconteceu, eu acredito que tenha dado a ela as ferramentas necessárias para se tornar uma jovem tão capaz”, revela Debnam-Carey durante a WonderCon, em Anaheim, Califórnia.
“Mas acho que o que realmente veremos daqui pra frente é ela tentando decidir o que fazer em seguida, e já esperança? E isso é o que realmente fará dela uma pessoa melhor e líder em tudo isso. Porque se você não consegue se conectar com a humanidade disso, então eu acho que você não tem mais nada.”
Ultimo membro sobrevivente do clã Clark, após as mortes devastadoras de sua mãe Madison (Kim Dickens) e seu irmão Nick (Frank Dillane), Alicia cresceu significativamente quando assumiu o papel de irmã mais velha da assassina do seu irmão, Charlie (Alexa Nisenson).
Agora Morgan lidera o grupo enquanto eles embarcam em uma nova missão, repleta de medo, para procurar e ajudar outros sobreviventes, assumindo aqueles deveres nos momentos finais da temporada 4 após encontrar inspiração na falecida Madison e no bondoso caminhoneiro Polar Bear (Stephen Henderson).
“O par formado por Morgan e Alicia é bem interessante”, diz Debnam-Carey sobre a dinâmica, lançada quando Morgan tentou impor sua ideologia pacífica a uma Alicia enlutada e em busca de vingança na temporada 4.
“Eu acho que os dois estão tentando lidar com as mesmas questões filosóficas de: Qual é a razão para continuar? Por que queremos continuar, qual é o objetivo? Acho que ela o vê como uma espécie de mentor, porque ela a protege e tenta convencê-la de que há mais do que isso e que temos que fazer coisas melhores para compensar por tudo o que fizemos e que isso pode ser uma coisa realmente positiva, e isso pode lhe dar esperança, e lhe dar um senso de razão e propósito.”
E esperança e propósito são coisas que Alicia precisa.
“Tudo pelo qual ela passou, ela perdeu tanta gente, e se tornou essa guerreira fechada”, acrescentou Debnam-Carey. “E é disso que ela se orgulha, e é o que pensa, que é a única coisa que ela pode fazer, apenas lutar e matar. E eu acho que ele é uma das pessoas que sabe que há muito mais (para ela) do que isso e ele quer que ela comece a confiar novamente.”

Retornando para a 5ª temporada ao lado de Alycia Debnam-Carey estão Lennie James, Danay García, Jenna Elfman, Garret Dillahunt, Maggie Grace e Alexa Nisenson. Também estão nesta temporada Mo Collins e Daryl Mitchell, como Sarah e Wendell, Rubén Blades, que retorna como Daniel Salazar, e os estreantes Austin Amelio, como Dwight, e Karen David, como Grace.

Tradução e adaptação: Romina V. Rocha, ADCBR. 

Fonte