ENTREVISTA ELENCO DE FTWD
Postagem por: Nalígia Moura

O elenco de Fear the Walking Dead concedeu uma entrevista falando sobre seus personagens e trabalhos fora da serie. Confira a entrevista completa clicando no link e lendo logo abaixo logo abaixo:

Alycia,  você tem feito projetos de gêneros pesados. Este gênero é algo que você gosta, pessoalmente?

Para mim, acho que é ir pra onde  devo ir . Eu nunca pensei em mim nesse gênero especificamente. Mas parece ser o tipo de tudo o que faço, por isso parece que eu encontrei meu nicho.

Uma das coisas que sabemos sobre “The Walking Dead” é que ele mata as personagens -muitos deles. Então, toda vez que você começa um script você pensa, “Oh, meu Deus, eu ainda estou no show?”

Será que estamos preocupados com ser mortos? Parece que a televisão gosta de  matar personagens principais. Se você receber uma boa morte, está tudo certo. Eu não estou muito preocupada nesta fase. Talvez no futuro.

Seus personagens representam os dois lados diferentes desta família dividida?

Irmãos normalmente muitas vezes tentam compensar um ao outro. Se um irmão faz algo, o outro vai preencher o papel oposto. Eu encontrei, pelo menos para o meu irmão e eu na vida real que parece ser uma coisa. Então sim, eu acho que é  definitivamente o que esta narrativa dramática faz. É sempre divertido.

Pelo menos desde o primeiro episódio, parece ser tanto um drama familiar quanto o que o gênero mostra. É assim que você se sente em trabalhar sobre ele neste momento? 

Você está imersa em um mundo bonito automaticamente. Para nós, uma das alegrias é que nós começamos a explorar esses personagens, e você começa a ser ligado a eles antes de tudo se desmoronar. O que, eu acho, é muita sorte para nós.

Quando se fica coberto de sangue muito rápido. É tão difícil de estômago quando você está lá no set?

É muito teatral no set, porque é tão dividido. É muito técnico. Mas, ao mesmo tempo, é muito legal. O trabalho que eles fazem em conjunto é incrível. Greg Nicotero, ele fez todos os efeitos especiais no show. Ele é simplesmente incrível. Mas sim, é tipo de diversão em conjunto.

Como  cada um de vocês se conectam ao seu personagem? O que você vê no seu personagem onde que tem haver com você como, “Eu sei que, eu sinto isso, eu posso jogar isso”

Para mim as cenas que eu tinha que  atirar, algumas das cenas eram reais  e  foram de muito nervosismo Talvez isso coincidiu com o tempo, eu estava vivendo em Los Angeles, eu finalmente tinha encontrado o grittiness mas o charme daquela cidade pela primeira vez. E isso me conectou com Alicia de uma forma bastante distinta. Eu acho que eu gostava do nervosismo dela. Há um poder dentro dela que é bastante forte, que eu espero que você começa a ver evoluir.

O que vocês mais gostam que as pessoas saibam sobre “Fear the Walking Dead?”

Eu quero que eles tirem suas próprias conclusões. Eu acho que o show vai vir sob algumas críticas, porque é muito diferente. Mas eu acho que está sozinho e não está tentando ser “The Walking Dead”, e isso é o que é grande sobre ele.

 

Tradução e Adaptação ADCBR