Durante essa última semana, esteve acontecendo a San Diego Comic Con 2017, o grande evento anual que reúne elencos de séries e filmes para divulgações e entretenimento com os fãs.

Fear The Walking Dead participou do evento pela terceira vez e o painel foi realizado no dia 21 de Julho, Alycia esteve presente novamente esse ano durante três dias de evento realizando entrevistas, sessão de autógrafos e mais, junto com seus colegas de elenco da série. Confiram as fotos clicando nas miniaturas abaixo:

 

Dia 20 – Portrait em HQ do elenco:

SDCC2017-portrait.jpg

Dia 21 – Painel:

sdcc4.jpg
sdcc5.jpg
sdcc6.jpg
sdcc7.jpg
sdcc8.jpg

 

IMDboat:

IMDboat001.jpg
IMDboat002.jpg
IMDboat003.jpg
IMDboat004.jpg
IMDboat005.jpg

 

No evento:

SDCC2017-001.jpg
SDCC2017-002.jpg
SDCC2017-003.jpg

 

Dia 22 – Sessão de autógrafos: 

SDCC2017-autografos2.jpg
SDCC2017-autografos3.jpg
SDCC2017-autografos4.jpg
SDCC2017-autografos5.jpg
SDCC2017-autografos6.jpg

 

Confiram as entrevistas (vídeos) legendadas logo abaixo: 


Atualizaremos esse post com todas as entrevistas legendadas + painel do evento, em breve.

No ultimo fim de semana (24 e 25 de Setembro), Alycia compareceu à Comic Con Copenhagen, onde durante os dias fez sessões de autógrafos, fotos com fãs (meet & greets), e teve seus próprios painéis individuais.

Confiram as fotos e vídeos do primeiro dia:

Sessão de autógrafos: 

CtHuXkpXYAAOTXi.jpg
CtHwPPdWcAALySU.jpg
CtHxeTkWIAQJvCi.jpg
CtIehHdVMAA0KI_.jpg
CtIehHnUIAAzdaY.jpg

Com fãs:

CtHkvbaXgAAIjT2.jpg
CtHl-LhUsAAMWyH.jpg
CtHl9MfUMAAV-G_.jpg
CtHrZ6kW8AANwFr.jpg
CtHrZhCWcAAirRb.jpg

Painel:

14479606_1764483210492131_7229602877458725465_n.jpg
CtH6wvOVUAAIXqs.jpg
CtH84-7UAAA_U-y.jpg
CtH840NUEAACrHu.jpg
CtH847NUsAASKKi.jpg

Vídeo do painel legendado:
http://www.youtube.com/watch?v=k4jKDPjr7d4


Confiram as fotos e vídeos do segundo dia:

Sessão de autógrafos:

CtM42lUWEAAyhqN.jpg
CtN2H3wVMAEzmYg.jpg
CtN2P3yUEAAvk15.jpg
CtN41ADWIAAEU6v.jpg
CtN49K9XYAAMipP.jpg

Com fãs:

CtNjYm5XgAAHFvB.jpg
CtNjYmxWgAAiQ2M.jpg
CtNjYm_WAAAu2aT.jpg
CtNjYoZXEAAM-dr.jpg
CtNkomFWgAAB6Ih.jpg

Painel:

CtNAOKDXgAAfsZW.jpg
CtNA_INWIAAOgqC.jpg
CtNiC_0WcAAgPlH.jpg
CtNiC_pWAAAOX5_.jpg
CtNiC_rXYAA8JUG.jpg

Vídeos do painel legendados:

 

Durante essa última semana, esteve acontecendo a San Diego Comic Con 2016, o grande evento reúne elencos de séries e filmes para divulgações e entretenimento com fãs.

O painel de Fear The Walking Dead foi realizado no dia 22 de Julho, e Alycia esteve presente pela segunda vez, junto com seus colegas de elenco da série. Confiram as fotos abaixo:

Chegando ao evento:

ADCBR001~7.jpg
ADCBR002~7.jpg
ADCBR003~7.jpg
ADCBR004~7.jpg

Painel:

adcbrpainel1.jpg
Cn_iCBlWEAAGjtX.jpg
Cn_iDVWWcAAQDhR.jpg
Cn_iELWWgAEfhBk.jpg

Camp Conival:

CoAKVzRWEAArR9i.jpg
CoAU2-7WIAAd7wp.jpg
CoAU2-yWgAER88y.jpg
CoAU27yWcAAG3TH.jpg

E no dia 23, foi realizada uma sessão de autógrafos e entrevistas:

Sessão de autógrafos:

CoE9cFaW8AAr5aX.jpg
CoE9cFaWAAAvv3e.jpg
CoE9cFZWEAEqy5h.jpg
CoE9cFZWYAERDIo.jpg

IMDb Yacht:

IMDB002.jpg
IMDB003.jpg
IMDB004.jpg
IMDB005.jpg

 

Assistam à entrevistas legendadas logo abaixo:

Para ativar a legenda do segundo vídeo clique em CC.


Assistam a primeira parte do painel legendado, logo abaixo:

 

O TV Guide Magazine, publicou nesta última quarta-feira (19) uma pequena entrevista que foi realizada com a Alycia e o elenco de Fear The Walking Dead, durante a Comic-Con em San Diego, que aconteceu no dia 11 de Julho desse ano.

 

Confiram o vídeo clicando no player abaixo:

 

FTWD estréia nesse domingo, dia 23 de Agosto ás 22h na AMC Brasil.

Durante a Comic Con 2015 em San Diego (10 de Julho), o site Geekscape fez uma entrevista com o elenco de Fear The Walking Dead. As entrevista foram realizadas em um formato de mesa-redonda, e teve jornalistas falando com alguns atores (ou produtores) ao mesmo tempo.
Confiram a entrevista que foi feita com a Alycia (Alicia Clark em FTWD) e a atriz Kim Dickens (Madison- mae da Alicia).

Kim Dickens: Oi, eu sou Kim Dickens.
Alycia Debnam-Carey: Oi, eu sou Alycia Debnam-Carey.
Kim Dickens: Ela tem o sotaque Australiano.
Alycia Debnam-Carey: Eu tenho um sobrenome louco. Desculpe. [risos]

Pergunta: Então, senhoritas, o que vocês podem nos dizer sobre seus personagens na serie?
Kim Dickens: Eu faço Madison Clark, que é uma conselheira do ensino médio e mãe de Alicia e Nick, um casal de adolescentes. Um deles é um problematico e um deles é uma criança de ouro. Eu estou apontando para Alycia [Debnam-Carey] [Alycia risos]. Estamos tipo de formação de uma nova segunda família com meu namorado que eu estou apaixonada Cliff [Curtis]. Quero dizer, não Cliff. [Alycia risos] de Cliff o ator. Eu sou do tipo apaixonada por ele, de qualquer maneira… Travis, e nós estamos juntando nossa família, uma espécie de, família de pedaços fraturados, juntos. Eu faço a mãe solteira que tem vindo cuidando de seus filhos e se encontra com o apocalipse.
Alycia Debnam-Carey: Então, eu interpreto Alicia, que tem o mesmo nome que eu, o que é meio estranho. Mas escritas de forma diferente por isso ainda é um pouco diferente. [risos] tipo de estranha irmã com necessidades frustrantes. Ela é a criança de ouro como Kim disse e ela é uma empreendedora. Ela está realmente em uma grande posição, mas ela realmente quer isso fora de Los Angeles. Ela meio que tem um belo namorado e está pronto para ir para Berkeley. Ela tem um lar desfeito. Ela perdeu o pai e o irmão é um pouco rebelde e vive por conta própria. Ele está sofrendo com o vício. Ela meio que se sente como se esrivesse presa na espiral descendente de uma maneira. Embora ela tenha um grande amor pela a família, ela só quer sair, ir embora.
Kim Dickens: Para romper com o drama.
Alycia Debnam-Carey: Sim.
Kim Dickens: Boa sorte! [risos!]
Alycia Debnam-Carey: Isso não vai durar muito tempo. [risos]

Pergunta: No universo de “The Walking Dead”, tudo está acontecendo ao mesmo tempo?
Kim Dickens: É o mesmo universo e mitologia como “The Walking Dead”, mas estamos antes disso. Antes de encontrar Sheriff Grimes em seu coma e tudo, somos uma espécie do que acontece durante esse coma e um pouco antes disso, em uma parte diferente da dos Estados Unidos.
Alycia Debnam-Carey: Ele mostra o desmoronamento da civilização e como algo parecido com esta epidemia afetaria a sociedade e a velocidade em que isso acontece, também.

Pergunta: Será que isso vai acontecer devagar ou –
Kim Dickens: Sim um pouco, podemos chamá-lo um pouco de uma queimadura lenta, sabe.
Alycia Debnam-Carey: É certamente o que a nossa primeira temporada realmente concentra-se em – a destruição da sociedade.
Kim Dickens: É como o desmoronamento inicial. É como se as três primeiras semanas em que está tudo acontecendo. É realmente os boatos da internet e da paranoia de um vírus….
Alycia Debnam-Carey: Conspiração.
Kim Dickens: teorias da conspiração. Nós cobrimos cerca de três semanas em nossa primeira temporada de seis episódios.

Pergunta: Quando em sua serie poderemos ver caminhantes e coisas assim?
Kim Dickens: Eu não sei. Você tem que entrar em sintonia.
Alycia Debnam-Carey: Eu sei! [risos]
Kim Dickens: Eu não sei. Poderíamos esperar até o final da temporada e como será isso, mas não.

Pergunta: [risos] Então, eles não estão necessariamente no início?
Kim Dickens: Eu não acho que eu poderia dar nenhum spoiler, mas eles vão estar lá.
Alycia Debnam-Carey: É o mesmo mundo.
Kim Dickens: Ele vai surpreendê-lo.
Alycia Debnam-Carey: Nós estamos descobrindo isso de uma maneira muito diferente. Estes zumbis, eles não estão vindo como já sabemos em “The Walking Dead.” Eles não são tipo de zumbis na qual nós conhecemos.
Kim Dickens: Eles continuam sendo assustadoramente familiar como seu vizinho e seus colegas de trabalho. É um pouco…
Alycia Debnam-Carey: Eles têm ainda muito humanismo. Isso torna mais difícil para contar.
Kim Dickens: Torna-se muito confuso a respeito de como lidar com isso.

Pergunta: Não está claro como o que aconteceu, como tudo veio a ser assim. Eu estava lendo – que vai estar acontecendo com os rumores e tudo. Você acha que em um ponto, você vai saber o que aconteceu?
Kim Dickens: Eu não sei. Eu não acho que essa é a nossa prioridade a sorte de descobrir qual a causa do que é, mas você nunca sabe –
Alycia Debnam-Carey: Onde a serie poderia nos levar.

Pergunta: Como você diria que o estilo de “Fear The Walking Dead” é diferente do estilo de “The Walking Dead”?
Kim Dickens: Como nosso título é diferente?

Pergunta: O estilo, o estilo da serie.
Kim Dickens: Ah, o estilo.
Alycia Debnam-Carey: O estilo é muito diferente. A configuração de Los Angeles torna inicialmente assim, o ambiente é diferente. Eu olho para ela, porque eu sou um fã do original “The Walking Dead.” Tem uma sensação provincial de uma maneira. É rural, é na floresta e é muito puxado para trás ou despojado de volta. Este é muito urbano. É a comunidade, que é a cidade, e é um caldeirão cultural. E em todos os sentidos artísticos também. É uma sensação muito em camadas. O original, claro, é, também. Este é empilhado com tantas camadas. Você lentamente começa a ver como que desmorona.
Kim Dickens: A ligação à terra, a comunidade muito urbana, diversificada. Não é o típico Los Angeles com tapetes vermelhos e outras coisas. Embora eu acho que vai ser muito divertido se caminhantes fizer ruínas no momento do tapete vermelho de alguém.
Alycia Debnam-Carey: Você vê como uma celebridade de Hollywood andando com metade de um rosto. [risos]
Kim Dickens: Temos que obter algumas participações especiais.

Pergunta: Você é uma fã da serie. Eu quero dizer o quão legal foi adquirir esse papel?
Alycia Debnam-Carey: Ah, isso é incrível. Para ser honesto, eu não tinha visto a serie antes, então eu comecei a ver. Em seguida, de uma vez eu tive que ir e ver rapidamente. Ele me deu uma desculpa para gostar, maratonei por três semanas foi incrível. Então, depois eu rapidamente cai no amor pela serie. Ele é um drama incrível tão, complexo e é quase como se os caminhantes tem uma trama de uma maneira estranha. Eu acho que é assim que a nossa serie é grande, também. Tem tanto drama denso, interações pessoais e dinâmica humana e para nós eu acho que é uma verdadeira festa.

Pergunta: eles irão ficar em LA ou eles estarão deixando LA naquele ponto ou tomam a decisão de fugir de la?
Alycia Debnam-Carey: Nós estamos ficando em LA para a primeira temporada. Não sabemos mais além.

Pergunta: É filmado apenas em LA?
Kim Dickens: Nós filmamos o piloto em Los Angeles e, em seguida, tivemos de ir para Vancouver para filmar o resto da nossa temporada, que é mais cinco episódios. Agora estamos em Los Angeles por cerca de três semanas. Estamos filmando agora. Estamos filmando mais exteriores, em LA Não é só gostar de ficar entrando ou saindo das portas. É como cenas completas, que estão no ambiente de LA.

Pergunta: Qualquer coisa lá, qualquer coisa icônico –
Kim Dickens: Agora estamos em East LA É onde estamos filmando. Eles vão pegar alguns skylines. Vamos ver a praia. Eles vão ver coisas.
Alycia Debnam-Carey: Nós vamos ter icônicos fumacentos pores do sol. [risos] Isso é tão tipicamente de LA. Ele não se sente como qualquer outra cidade. East LA é como uma pessoa diferente de Los Angeles do que voce costuma ver.

Pergunta: Como são os efeitos especiais? Foi uma coisa divertida para fazer? Ou um processo tedioso?
Alycia Debnam-Carey: Qualquer tipo de efeitos especiais é sempre muito divertido, eu acho.
Kim Dickens: Eu gosto das coisas de ação que estamos fazendo. Para mim tem sido, provavelmente, um dos trabalhos mais exaustivos que eu já tive, mas o mais divertido. Eu fico um pouco – eu amo coisas de ação e se eu conseguir apenas uma cena de diálogo, eu sou do tipo, “eh”.
Alycia Debnam-Carey: É um pouco de dar e receber.
Kim Dickens: Podemos lutar e lutar.
Alycia Debnam-Carey: Você está até muitas vezes no meio da noite. No dia seguinte, todos só tem hematomas por toda parte. Os últimos dias eu tinha que cobrir as minhas pernas com apenas pó de maquiagem porque tem sido terrível. [risos]
Kim Dickens: Nós gostamos de fazer tanta coisa que nós podemos.
Alycia Debnam-Carey: É tão divertido.

Pergunta: Como é trabalhar com Cliff [Curtis]? Você já o encontrou antes?
Kim Dickens: Eu nunca o conheci antes, mas testei a câmera com ele para o papel. Ele é apenas uma pessoa adorável. Ele é como um homem comum da Nova Zelândia, mas há tanta ternura e doçura em seu coração e alma. Ele é como uma pessoa realmente mágica e uma alma tão astuta. É uma alegria trabalhar com ele.
Alycia Debnam-Carey: A maneira como ele trabalha, também. Ele tem uma alegria para assistir. Ele entra em uma espécie de cena e depois só encontra. É incrível. É um prazer. Ambos Kim [Dickens] e Cliff [Curtis] são surpreendentes.

Pergunta: Como você acha que um fã de “The Walking Dead” vai reagir a “Fear The Walking Dead”?
Kim Dickens: Eu espero que eles tenham uma forte reação a ela.
Alycia Debnam-Carey: Se eles vão amá-lo ou odiá-lo Eu não tenho certeza. Eu acho que é tão diferente. Eu acho que talvez isso vai ser um pouco de um choque em primeiro lugar. É muito, muito diferente. Eu acho que as pessoas realmente se chegará a ele, especialmente por ser 6 episódios, acho que vai realmente ficar preso dentro. Eles vão ser como, espere um segundo. É um jogo totalmente diferente agora!
Kim Dickens: Eu acho que é um público tão apaixonado. Eu acho que eles estão prontos para nos dar uma chance. Eles realmente acreditam que vamos mostrar os corredores e os criadores e tudo o que: Robert Kirkman e… Eu acho que eles vão ter que tomar essa decisão quando vê-lo. Eu acho que eles vão ter que permitir que ele seja diferente. Eu sinto que eles são muito mente aberta, eu disse que eles têm um apetite muito apaixonado, voraz por isso. Espero que agrade a eles.

Pergunta: Como Robert Kirkman é no set? Ele está lá o tempo todo?
Kim Dickens: Ele não está lá o tempo todo, mas ele é o nosso chefe. Ele é o nosso cara. Ele é o nosso visionário.
Alycia Debnam-Carey: Ele é muito bom.

Pergunta: Como é ele?
Kim Dickens: Ele é ótimo. Ele é muito engraçado. Ele é fantástico. Ele é um, grande cara quente e ele é um fã de tantas series. Estávamos apenas conversando com Elizabeth [Rodriguez] e ele é um enorme fã de “Orange is the New Black.” Ele apenas sabe, entende, ele adora o trabalho.
Alycia Debnam-Carey: Ele está investido muito.

Pergunta: Se você pudesse realmente conhecer alguns dos personagens de “The Walking Dead”, qual deles…?
Kim Dickens: Sherriff Grimes para mim.
Alycia Debnam-Carey: Sim, eu também, ou Norman Reedus. Eu acho que seria muito divertido.
Kim Dickens: Ele é o personagem? Quer dizer Daryl? [risos]
Alycia Debnam-Carey: Eu quero dizer Daryl ou Norman [Reedus] que eu gosto! Você sabe o que eu quero dizer. [risos]
Kim Dickens: Sim, isso seria fantástico.

Pergunta: Como você se sente trabalhando nesta série especial em que o escritor é, basicamente, competindo consigo mesmo de 20 anos atrás em uma história diferente? Estamos vendo o tipo de início e como tudo foi para o inferno, basicamente. Como você se sente trabalhando em algo que você sabe que vai acabar mal? Você tem que fingir, ah, é apenas rumores.
Kim Dickens: Eu acho que nós realmente aterrada e enraizada na serie nesses personagens e essas relações, sabe, que são muito reais e agora nós apenas fazemos isso. O que eu iria fazer para sobreviver? O que eu faria para descobrir isso? Qual é a melhor escolha? Como atores que chegam lá, nós fingimos. [Alycia risos] Eu, pessoalmente, comecei a assistir “The Walking Dead” e quando cheguei perto desse papel eu parei, porque eu não queria ter uma idéia preconcebida de que meu personagem ia saber. Na verdade, eu estava ciente de que eu não deveria saber de mais nada.
Alycia Debnam-Carey: A descoberta foi uma espécie de uma coisa difícil. É uma queimadura lenta e leva tempo para se revelar.
Kim Dickens: Leva os momentos de descoberta e paranoia, o questionamento, e ingenuidade. Estamos no escuro.
Alycia Debnam-Carey: Como seres humanos tentar justificar qualquer coisa. Nada de anormal você realmente tenta torná-lo lógico, fazer o sentido dele. Todas essas nuances são tão importantes para tornar este mundo de descoberta real. Eu acho que isso é q tal essência desta serie, “Fear The Walking Dead.” É tudo sobre o que está vindo, o inesperado, e do desconhecido.
Kim Dickens: A audiência vai apenas gritar para nós na TV. O que você está fazendo? Não faça isso!
Alycia Debnam-Carey: Sim, sim! Ele tem alguns grandes pequenos momentos de luz típicos. É ótimo.

Pergunta: Quanto você foi dito sobre o personagem em sua primeira temporada, quando você começou? Lhe foi dito tudo e quão seguro você se sente no mundo de “The Walking Dead”?
Alycia Debnam-Carey: Parece que em cada serie agora eles estão matando os lideres.
Kim Dickens: Foi-me dado o esquema básico de minha personagem e muita história por trás que realmente me ajudou a informá-la, mas para além do que acontece no futuro eu realmente não sei, exceto quando eu pegar os scripts. Estou bastante animada.
Alycia Debnam-Carey: Eles são bastante tranquilos nos scripts, também. Eles liberam apenas quando eles precisam. Esse é a serie. [Alycia risos]

Pergunta: Será que a serie fala sobre a reação oficial do governo e da política e coisas assim? É parte da serie?
Kim Dickens: Isso é um spoiler?
Alycia Debnam-Carey: Sim. [risos]
Kim Dickens: É interessante por causa do que você procurar, você sabe… O maior medo para os personagens e eu acho que a coisa que irá ligar com o público é o medo que você não sera capaz de proteger-se. Vocês se voltam para suas figuras de autoridade.
Alycia Debnam-Carey: Em quem você confia?
Kim Dickens: Sim. Em quem você confia e quem você pode confiar e que aparece para essas pessoas? Seria interessante para ver.

Pergunta: Como você lidaria? Como você se sairia?
Kim Dickens: Terrivelmente.
Alycia Debnam-Carey: Muito mal. Eu acho que se há alguma coisa que nós realmente aprendemos com essa serie foi, nós não iriamos nos sair muito bem! [risos]

Confiram também as fotos que foram tiradas durante a entrevista, clicando na miniatura abaixo:

miniaturaj

Fear The Walking Dead estreia 23 de agosto!

 

Tradução e adaptação ADCBR

Durante o segundo dia na Comic-Con San Diego (11/07) o Yahoo TV fez uma brincadeira com  seus entrevistados. Cada elenco de uma série ou filme faria uma pergunta para os próximos entrevistados.   A pergunta paro o elenco de FTWD foi feita pelo cast de Heroes Reborn.

A pergunta foi: Qual seu clipe de dança favorito e vocês gostam de Thriller (Michael Jackson)?. Confira toda a entrevista clicando no link e confira o vídeo abaixo:

 

Alycia estava concorrendo a duas categorias na premiação BEST EVER TV AWARDS do E! online. As categorias eram de Melhor Beijo (Lexa e Clarke) e melhor participação todas através da série The 100.

Alycia recebeu o prêmio na segundo dia da Comic-Con em San Diego (11/07).

Confira todos os vencedores clicando no link e veja o vídeo  logo abaixo:

O elenco de Fear The walking Dead concedeu uma entrevista para Entertainent Weekly onde deu detalhes sobre a série. Confira no vídeo abaixo:

No vídeo eles falam que a série não é o spin-off e sim uma série companheira de The Walking Dead, pois relata uma história bem diferente da de Rick Grimes.
A série retrata o início de apocalipse e como pessoas comuns, como os personagens da série, lutam pela sua sobrevivência. Eles alegam que nela não há policiais para liderar os grupos, os personagens aprendem tudo quando o caos chega.Há também o drama familiar mostrado no seriado.
Fear the Walking dead passará em Los Angeles e os produtores das séries dizem que provavelmente não haverá um cross-over entre elas.

 

Tradução e Adaptação ADCBR

Alycia compareceu ontem (10) ao Painel de Fear The Walking Dead na Comic con em San Diego, California.

Confiram as fotos do Painel clicando na miniatura abaixo:

dsfsf

Confiram também as fotos da festa pós evento clicando na miniatura abaixo:

dfdfg

Vídeo completo do painel de FTWD. Assistam clicando no player abaixo:

A AMC anunciou durante o evento que FTWD estreia dia 23 de Agosto. O spin-off se situará em Los Angeles e conta com seis episódios na sua primeira temporada, a segunda temporada está prevista para 2016.

Hoje (10/07/2015) durante o painel de The 100 na Comic-Con San Diego, foi confirmado que Alycia Debnam-Carey retornará para a terceira temporada da série. Confira o que Jason Rothenberg falou durante o painel:

Quando um fã na platéia fez uma pergunta sobre se existe ou não alguma possibilidade de reconciliação entre Lexa e Clarke, Jason respondeu:

“Suponho que há esperança para a reconciliação porque Alycia Debnam-Carey está voltando para o show. E , sim, Clarke está chateada e haverá fogos de artifício entre elas que nós nunca vimos antes. Eu acho que isso vai ser interessante ver como elas lidam com isso. ”
“Elas vão fazer uma tentativa de paz, com certeza, mas há uma grande quantidade de sangue ruim”, continuou ele. “Quando começamos na 3ª temporada,  as tensões da  guerra foram amenizadas, mas isso não vai durar muito tempo.”
O grande problema com Alycia Debnam-Carey voltar sempre foi devido ao lançamento de Fear the Wlaking Dead. Mas Rothenberg cuidou disso ele afirma: “AMC foi incrível em termos de negociação e de agendamento e foi ótimo, porque nós ainda  tínhamos uma história que realmente queríamos dizer. Estamos realmente  mergulhando profundamente nos clãs Grounders e seu misticismo e as origens e que a personagem nos permite fazer de grande forma”.
Jason ainda afirma que haverá um pouco de um salto no tempo. “Nós vamos ter o nosso primeiro salto tempo entre as temporadas.Nós vamos pegar um par de meses depois que Clarke socorre todos e ela vai se sentir diferente de como ela estava na segunda temporada”.

The 100 começará sua produção em breve segundo Jason. E aí ansiosos?

Tradução e Adaptação ADCBR